Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Som dos Sentidos ♥

Tudo e mais alguma coisa. E gatos. E revolta.


16
Jan18

Sobre a educação das crianças

Marie C.

Recentemente estreou num canal da Tv portuguesa um programa chamado Supernanny, em que Teresa Paula Marques uma psicóloga de renome  ( pesquisa apenas feita por notícias e artigos da internet) ajuda famílias que têm filhos problemáticos. Pelos vistos este programa já existe noutros países ( Reino Unido, Brasil, França, etc) mas a sua estreia em Portugal veio trazer alguma revolta entre as pessoas , pelo menos nas redes sociais.

Eu sou da opinião que , embora a maioria dos programas de televisão são só para audiência, os media e a tv em geral tente influenciar as pessoas de forma positiva ( a minha fé no mundo nota-se) e vejo neste programa uma pequena solução para essa criançada que não sabe o que é respeito e para os pais que por alguma razão não sabem bem ser pais.

Reuni alguns comentários que me chamaram a atenção e que separei por categorias

1.  Pessoas escandalizadas e ofendidas pela exposição

supernany1.PNG

supernany2.PNG

Sim porque não há exposição nas notícias, nem nos documentários nem nessas coisas todas. Aliás...se os pais aceitaram não estou a perceber a violação.

 

2. As pessoas que percebem que as crianças de hoje em dia estão muito mal educadas

supernany3.PNG

supernany7.PNG

supernany5.PNG

Porque eu cresci e fui educada numa altura em que os pais já tinham mais tempo para os filhos, mas os meus pais e os meus avós foram criados quase sem a presença dos progenitores ( até porque antigamente era muito comum os pais terem que emigrar e terem vários trabalhos para sustentar as grandes famílias) e nestas gerações, incluindo a minha, violência contra os pais ou até responder torto OU SEQUER RESPONDER ÀS VEZES é um ultraje.

 

3. As pessoas que estão agradecidas porque sofrem  a má educação das crianças e vê o programa como mais valia

supernany4.PNG

super nani.PNG

super.PNG

superdd.PNG

Porque há pais que sofrem porque não é só culpa deles. Sim há pais que mimam demais os filhos e deixam eles fazerem o que querem e ainda se riem dos maus comportamentos dos filhos, mas há pais que sofrem com as suas crianças porque elas têm feitos mais dificeis e por influência da escola ou de outros factores. Basicamente o que estou a tentar explicar é que sim é falta de educação em casa mas não podemos culpar a 100% os pais e atire a primeira pedra quem é pai e nunca vacilou.

 

4. E é claro, como sempre existem, as pessoas que estão nervosas e precisam de descarregar usando as redes sociais

supernany6.PNG

Não necessita explicação, estes seres estão em TODO o lado, até no video do gato mais fofinho.

 

Nota: embora sejam comentários publicos do facebook, preferi ocultar os nomes e imagens das pessoas & não quero de maneira NENHUMA ofender quem é pai ou mãe mas sim mostrar que estamos a atravessar um problema que vai gerar adultos fúteis no futuro.

 

 

Sobre mim:




Uma nortenha ferranha e teimosa que acha que sabe escrever.
25 anos de gatinhos e cabelo fora do sítio.
Neste momento em Erasmus por Espanha.

Este blog pode conter vestigios de gatinhos, flores, ciência e ironia.

Um blog que fala de tudo,mas no fim não diz nada.

Deixa-me uma mensagem: